Arquivo da Categoria: Traduções

Depois do dilúvio. A arca de Bruno Latour, por Luc Boltanski

por

Depois do dilúvio. A arca de Bruno Latour[1]. Por Luc Boltanski Tradução Diogo Silva Corrêa A escolha de Noé Gaia está morrendo. Uma grande catástrofe nos ameaça. Se nós nada fazemos, a terra… Continuar lendo

A Civilização desafiada pelo Antropoceno, por Bruno Latour

por

Publicado no Le Monde, 16.03.2015. Tradução de André Magnelli e Rafael Damasceno A Civilização Desafiada pelo Antropoceno Admiramos no Museu do Quai-Branly[1] os maravilhosos restos de múltiplas culturas que desapareceram para sempre. Nós as… Continuar lendo

Verbete: Hábito

por

Por Albert Ogien e Louis Queré[1]  Tradução Diogo Silva Corrêa I- Não se pode dar conta da experiência sem dar o devido lugar aos hábitos. Tudo o que nós fazemos “em matéria de… Continuar lendo

Verbete: Intersubjetividade

por

Por Albert Ogien e Louis Queré[1]  Tradução Diogo Silva Corrêa I – O tema da intersubjetividade foi introduzido para caracterizar o meio particular de interação dos seres humanos e distinguir sua socialidade da… Continuar lendo

Verbete: Pós-Modernismo, ou o Decálogo da Desconstrução

por

Texto de Frédéric Vandenberghe* Traduzido e adaptado por André Magnelli Este é um verbete heterodoxo bem no estilo do sujeito de que trata. Comecemos antes de tudo por uma confissão: após horas de trabalho e… Continuar lendo

Verbete: Mediologia/Régis Debray

por

Texto de André Magnelli e Frédéric Vandenberghe [1] O neologismo mediologia (traduzido também por “midiologia”) foi cunhado, em 1979, por Régis Debray, que é um ensaísta, romancista e ativista francês bem conhecido na América Latina por ter… Continuar lendo

Verbete: Talcott Parsons

por

  Por Frédéric Vandenberghe Talcott Parsons O sistema de conceitos analíticos de Talcott Parsons (1902-1979), o grande teórico do funcionalismo norte-americano, dominou por vinte ou trinta anos o campo sociológico mundial do pós-guerra.… Continuar lendo

Verbete: Experiência

por

  Por Albert Ogien e Louis Queré em “Vocabulaire de la sociologie de l’action” (2005), pp. 37-43. * A tradição filosófica nos legou vários conceitos de experiência. O mais corrente é o empirista:… Continuar lendo